Torres de celulares vão desaparecer

Um dos problemas que mais preocupam as operadoras de telefonia celular e os responsáveis pela administração das grandes cidades no mundo é a poluição visual e o elevado consumo de energia das chamadas estações radiobase (ERBs). Esses inconvenientes talvez estejam com os dias contados graças à miniaturização de componentes e o avanço do software em telecomunicações sem fio (wireless), que poderão substituir totalmente as ERBs em todo o mundo.

A nova tecnologia, denominada LightRadio, foi anunciada ontem de manhã, em entrevista coletiva, pelos diretores da Alcatel-Lucent, em Paris e Londres, como resultado de um trabalho conjunto dos Laboratórios Bell (Bell Labs), dos Estados Unidos, em cooperação com as operadoras de telefonia celular Verizon (Estados Unidos), Orange (França) e China Mobile, que é a maior operadora de celular do mundo, com mais de 400 milhões de usuários.

Todo o equipamento de uma ERB fica reduzido a pequenos módulos com menos de um quilograma (1 kg), que podem ser fixados no exterior de prédios, postes, residências ou pontes. Sua cobertura é muito maior, inclusive em banda larga. A adoção da tecnologia dependerá agora de aprovação de governos, de organismos técnicos, de agências reguladoras de telecomunicações, bem como das operadoras móveis de todo o mundo.

O LigthRadio será demonstrado na Conferência Mundial de Mobilidade (Mobile World Conference), na próxima semana, de 14 a 17 de fevereiro, em Barcelona.

A Alcatel-Lucent considera esse avanço um dos saltos mais revolucionários na área das comunicações e prevê que, por seus custos muito menores, ele permitirá que o mundo alcance muito mais rapidamente as metas de universalização e de inclusão digital.

Entre outros benefícios do LightRadio, o presidente da Divisão de Wireless da Alcatel-Lucent, Wim Seldens, prevê: 1) Diminuição das emissões de carbono das redes móveis em mais de 50%; b) Redução do custo total dos investimentos em infraestrutura das operadoras móveis em até 50%; c) Melhoria sensível dos serviços para os usuários finais, por intermédio do aumento significativo do alcance da banda larga por usuário, graças ao desenvolvimento de pequenas antenas em todos os locais.

Publicado originalmente por Ethevaldo Siqueira no site Terra. Clique aqui.

(Mais informações, no site www.alcatel-lucent.com/lightradio)

Um comentário em “Torres de celulares vão desaparecer

Adicione o seu

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: