Nova Friburgo, antiga sede da Rede Novo Tempo sofre com as chuvas

O Sistema Adventista de Comunicação (Antigo SISAC, hoje Sistema Novo Tempo) começou em Nova Friburgo em meados dos anos 90. Por muitos anos a sede foi no bairro Campo do Coelho, RJ 130, KM 6,5. Morei lá por cinco anos, trabalhei, fiz faculdade, me especializei profissionalmente e fiz grandes amigos, na minha Igreja Adventista Central, e outras da Região. Foram muitos momentos inesquecíveis, caminhadas e atividades com o clube de Desbravadores Caledônia. Subi muitas daquelas montanhas e me apaixonava toda vez pelas paisagens encantadoras daquele lindo pedaço do Brasil.

Chuvas causam destruição na Praça do Suspiro em Nova Friburgo

Creio que no ano de 2003 houve também grande problema causado pelas chuvas. Lembro-me de ter ficado ilhado às margens do rio Bengalas, bem pertinho do bairro Duas Pedras. Em poucos minutos às águas transbordaram e cobriram até mesmo o corrimão da ponte que cruzava o rio quase em frente à rodoviária. Carros eram amarrados aos postes de luz para não serem levados. Só quem se arriscava eram os motoqueiros.

Pela manhã pude observar pedras enormes, e grande quantidade de barro que despencaram das encostas e estavam espelhados pelas ruas. Ao subir às Braunes, rumo à faculdade Estácio de Sá vi também parte do paralelepípedo arrancado pela corrente que descia do Sans Souci, e uma enorme cratera no meio da rua. Naquele mesmo período de chuvas lembro que muitas pessoas haviam morrido em Teresópolis. Coisa de louco, eu nunca tinha vivido aquilo de perto.

VEJA A MATÉRIA

No ano seguinte eu estava fazendo um curso de agente voluntário da Defesa Civil. Foi muito bom, muito útil, e confesso que andava preparado para o dia em que receberia uma ligação solicitando ajuda. Hoje ao ver as imagens no jornal da tragédia nessa cidade que foi tão importante na minha vida, me solidarizo ao povo friburguense, e aos demais da Região serrana do Rio. O sentimento de incapacidade diante disso tudo me deixa emocionado.

Muitas pessoas perderam a vida, seus bens, amigos, parentes. Estou orando por todos, para que a esperança seja renovada. E que surjam oportunidades para a Igreja levar uma mensagem de paz e segurança àquele lugar. Estou ter contato com ninguém de lá, mas pelas imagens puder ver o que acredito ser um milagre. Pertinho da praça do Suspiro, que ficou totalmente destruída junto com o teleférico (que tantas vezes subimos) fica a Igreja Adventista Central.

Igreja Adventista Central próxima à praça do Suspiro

Foi lá que frequentei e fui membro. Pela localização da igreja imaginei que teria sido completamente soterrada. Mas creio que as imagens da reportagem da Rede Globo deixam a esperança de que a avalanche passou exatamente ao lado do muro da igreja sem danificá-la. Não sei se é impressão minha, mas pelo que vi, a mão de Deus preservou o seu templo, e oro por isso. Ainda não sei informações oficiais, e até agradeço se alguém que ler esse post puder ajudar com mais detalhes, mas creio estar certo do que vi.  

 

 






Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: